12 de janeiro de 2006

Clarinho

depois do dia de hoje que se seguiu ao dia de ontem estou cansada, muito, e não é só aquele cansaço de fim de dia. A coisa anda crónica - sendo a coisa a "neura".

No meio da neura quero deixar uma coisa clarinha, mais que não seja para mim própria: participar em congressos é das aprendizagens mais interessantes que se pode fazer a vários nivéis.

Apresentar comunicações em congressos é para mim das maiores aprendizagens de todas: a) por ter que expor o meu trabalho, argumentando a seu favor, reflectindo sobre ele para antecipar questões e "buracos", organizando ideias por forma a poder partilhá-las; b) pelo que oiço e discuto sobre o meu trabalho durante os debates; c) pelo que consigo articular com o meu trabalho através das conversas que tenho sobre ele com as pessoas que me interpelam fora do momento de apresentação; d) pelo sentido de responsabilidade que se incrementa quando estamos perto/dentro da comunidade científica a que pertencemos.

Eu estou em constante aprendizagem, mas essa aprendizagem é activa, produtiva e situada na comunidade de prática em que me vou lentamente integrando. E é por essa integração que o esforço vale, e pelo contributo (que por mais pequeno que seja, está lá, esforçado e suado, debatido, rebatido e defendido) para o imenso "edifício" do conhecimento. Para mim está clarinho. Mesmo que nada disto simplifique a "coisa"...

Experienciado por Maria @ 11:25 da tarde


A minha fotografia
Nome:
Localização: Portugal
Minha página

Eu no LinkedIn

your virtual pet!

Noutros sítios:
Fotos no Flickr.com
Projecto NetInfância
Registos do doutoramento
Blogs de PP
A par e passo

Posts daqui:

Powered by Blogger
Design by Beccary

PapaFormigas.com